A Avaliação de Risco Cirúrgico deve ser realizada por todas as pessoas que necessitam de uma intervenção, uma vez que garante a segurança do paciente durante a cirurgia. Esta avaliação é feita por um cardiologista, o qual faz o levantamento do histórico de saúde do paciente e realiza exames médicos complementares para verificar o estado geral de saúde da pessoa. Quando algum problema é identificado na avaliação, o paciente é informado pelo médico sobre a sua condição e, se for o caso, encaminhado para um especialista. Dependendo da situação, algumas medidas podem ser adotadas para diminuir os riscos.